27 de março de 2016

Resenha: A Última Era, de Carlos Fleury

Oi galerinha, tudo bem? Hoje vamos resenhar esse o livro do autor parceiro Carlos Fleury, intitulado A Ultima Era e só posso adiantar que é uma nostalgia só!


TÍTULO: A Ultima Era
AUTOR: Carlos Fleury

PÁGINAS: 260

EDITORA: Selo Jovem

"Bem aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nelas estão escritas; porque o tempo está próximo."
Esse livro é narrado no passado, presente e futuro, apresentando-nos múltiplos detalhes, sendo bastante fácil de compreender as ideias que o Carlos quis nos passar e tornando assim mais fácil a compreensão da estória.

Séculos atrás, em uma época em que tudo que conhecíamos foi destruído, não existe mais tecnologia e nem religiões, somente o Revelador, um homem que está conquistando muitos seguidores, e muitos mistérios rodeiam esse homem.

Na cidade de Arkan, há um grande império que deseja conquistar outras cidades, e uma delas é a cidade de Cevir, onde mora o herói desse livro, Victoruis. Victor é um guerreiro muito valente que está regressando à cidade de Cervir para tentar conquistar novamente seu posto, porém um grande mistério assombra o jovem desde seu nascimento. Vitor terá que contar em sua jornada com a companhia de Rulf e de Tood, que acabam sendo os seus grandes amigos. 
No futuro, acompanhamos a arqueóloga Diana, que acaba fazendo descobertas inesperadas que revelam algumas ideias contrárias ao modo como o passado foi contado para as pessoas. A arqueóloga precisará ficar em segredo, fugir de vários perigos e precisará de ajuda, porém ela não sabe em quem confiar. Em uma das suas descobertas, Diana acaba se deparando com um perigo imenso, que poderá trazer um terrível mal para a humanidade, embora algumas pessoas vejam essa descoberta como um milagre. 


Então galerinha, que enredo incrível né?! Particularmente, não gosto muito de livros que são narrados assim - indo e voltando no tempo - porém a escrita do Carlos é tão incrível que eu adorei essas viagens. Como falei acima, fica muito mais fácil você entrar de vez na estória com esse tipo de narrativa. Esse livro também contém várias cenas de lutas e batalhas bem sangrentas (coisa que eu adoro rsrs), o que deixa o livro com um clima bem ativo.

Se você ficou interessado para saber mais sobre esse livro, entre em contato com o Carlos Fleury e compre já o seu exemplar. Indico esse livro para todos os fãs de literatura fantástica, que gostam de livros com muita ação e mistérios! Super abraço e até mais, Alisson. 



6 comentários :

  1. Particularmente eu achei bem confuso este livro, rsrs. Eu costumo gostar de livros que fazem um panorama no tempo, mas quando mescla toques de guerras/batalhas daí eu já meio que fugo, não gosto muito do gênero. Apesar de eu achar que não me agradaria a leitura, imagino que os adoradores de fantasia iriam amar o livro. A capa está muito bonita.

    Beijo, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Alisson.
    Eu não conhecia este livro, pois conheço poucos livros do Selo Jovem. Olhando pela capa, seria uma leitura que não leria de imediato, porém com a sua resenha a história muda e consegui ficar curiosa pela história. Gostei de saber que o livro é narrado no passado, presente e futuro, pois acho que não cheguei a ler um livro dessa maneira e seria uma leitura desafiadora.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, Alisson.
    Nunca ouvi falar desse livro mas achei a capa dele linda e o nome bem interessante. Diferente de você, eu gosto de livros que alternam passado e presente, mas não sei se gosto de batalhas sangrentas. Só as vezes hehe. Mas acho que leria principalmente por causa da parte do presente. Fiquei curiosa para saber o que a mulher descobriu hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Eu não conhecia o livro, apenas tinha visto a capa. Fiquei curiosa mas com um certo medinho kkk' Preciso perguntar, é um livro de terror? Porque se não for terror, e for apenas suspense eu vou amar ler kkk'
    Beijos,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir
  5. Boa noite, Alisson!
    Eu já gosto de narrativas assim, que vão e vêm no tempo, me sinto mais próxima da trama toda e dos personagens, então acho que pra mim não seria um problema a leitura. E o enredo em si me chamou bastante a atenção, com certeza lerei quando tiver oportunidade!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  6. Oie, Alisson!
    A premissa é bem interessante e eu gostei da ideia de inda e vindas da narrativa. Agora, quando você disse que o passado é narrado, quis se referir a vida do Victor ou é diferente?
    Beijinhos!
    Anna - Letras & Versos

    ResponderExcluir