5 de julho de 2015

#26 RESENHA DE LIVRO (Eu Te Darei o Sol)

Bom dia galerinha, tudo bem? Hoje vamos resenhar o livro Eu Te Darei o Sol da autora Jandy Nelson, lançado no Brasil pela editora Novo Conceito.


TÍTULO: Eu Te Darei o Sol
PÁGINAS: 384
AUTOR: Jandy Nelson
EDITORA: Novo Conceito

NOTA: 4/5


Sinopse: Noah e Jude competem pela afeição dos pais, pela atenção do garoto que acabou de se mudar para o bairro e por uma vaga na melhor escola de arte da Califórnia. Mal-entendidos, ciúmes e uma perda trágica os separaram definitivamente. Trilhando caminhos distintos e vivendo no mesmo espaço, ambos lutam contra dilemas que não têm coragem de revelar a ninguém. Contado em perspectivas e tempos diferentes, “Eu te darei o sol” é o livro mais desconcertante de Jandy Nelson. As pessoas mais próximas de nós são as que mais têm o poder de nos machucar.

Resenha: Eu Te Darei o Sol é uma história de arte, amor e perda, narrado pelos gêmeos Noah e Jude. No início desse livro, os irmãos são extremamente próximos: Noah o tímido "revolucionário", que gasta todo o seu tempo desenhando; Jude, confiante e faladora, cujo tempo livre envolve, surf e mergulho em penhasco. No entanto, uma bagunça de ciúme e tragédia leva Noah e Jude a perder essa cumplicidade, e três anos mais tarde, eles quase não se falam. 
Durante os três anos que a história se estende, ambos os gêmeos se apaixonam: Noah por Brian, uma amizade que começa a se tornar algo a mais; Jude por Oscar, um jovem homem, cujo passado trágico lhe permite compreender completamente Jude. 
Como o livro é dividido em duas narrativas - Noas treze anos de idade e Jude com dezesseis anos de idade - o leitor tem mais de uma perspectiva sobre a vida dos personagens. Em minha opinião esse tipo de narrativa torna-se um pouco cansativa, esse vai e vem torna a leitura um pouco desgastante e quase impossível de o leitor compreender a história nas suas primeiras páginas, porém a autora consegue amarrar todas as pontas que deixa soltas no final do livro (Graças!). 


Nelson aborda muitos temas que poderiam ser difíceis fazer justiça, ao escrever sobre: morte, sofrimento, arte e amor - amor proibido, primeiro amor, o amor entre uma menina e um menino, o amor entre dois meninos, mas acima de tudo, o amor entre os gêmeos.
Em conclusão, eu descobri que esse Young Adult (Livros que eu não tenho costume de ler), vem a ser um dos mais cativantes que eu li. É um triunfo que merece todos os elogios que recebeu, e os que estão por vir. 

Se vocês leem esse tipo de livro (Young Adult), me indiquem mais outros títulos, e se você já leu "Eu Te Darei o Sol" comente aqui o que achou dele! 



   




0 comentários :

Postar um comentário