1 de maio de 2015

#07 RESENHA DE LIVRO (Uma Carta de Amor)

Oi galerinha, então essa resenha não foi eu que fiz, e sim uma querida seguidora aqui do blog e do instagram, além de uma grande amiga minha ❤️.

Uma Carta de Amor

TÍTULO: Uma carta de amor
PÁGINAS: 288
AUTOR: Nicholas Sparks
EDITORA: Arqueiro

NOTA: 5/5

Sinopse: Há três anos, a colunista Theresa Osborne se divorciou do marido após ter sido traída por ele. Desde então, não acredita no amor e não se envolveu seriamente com ninguém.
Convencida pela chefe de que precisa de um tempo para si, resolve passar férias em Cape Cod. Durante a semana de folga, depois de terminar sua corrida matinal na praia, Theresa encontra uma garrafa arrolhada com uma folha de papel enrolada dentro. Ao abri-la, descobre uma mensagem que começa assim: “Minha adorada Catherine, sinto a sua falta, querida, como sempre, mas hoje está sendo especialmente difícil porque o oceano tem cantado para mim, e a canção é a da nossa vida juntos.” Comovida pelo texto apaixonado, Theresa decide encontrar seu misterioso autor, que assina apenas “Garrett”. Após uma incansável busca, durante a qual descobre novas cartas que mexem cada vez mais com seus sentimentos, Theresa vai procurá-lo em uma cidade litorânea da Carolina do Norte.
Quando o conhece, ela descobre que há três anos Garrett chora por seu amor perdido, mas também percebe que ele pode estar pronto para se entregar a uma nova história. E, para sua própria surpresa, ela também. Unidos pelo acaso, Theresa e Garrett estão prestes a viver uma história comovente que reflete nossa profunda esperança de encontrar alguém e sermos felizes para sempre.


CUIDADO PODE CONTER SPOILERS 


Resenha: “Uma Carta de Amor” é uma bela e emocionante narrativa escrita por Nicholas Sparks que conta a história de Theresa Osborn, uma mulher bem sucedida, 36 anos de idade, colunista em um jornal de Boston e mãe de um garoto de 12 anos. Theresa está divorciada há 3 anos, e após a sua separação não acredita que seja capaz de amar novamente e se envolver seriamente com alguém.

Theresa Osborn, é uma mulher muito ocupada. Ela se dedica totalmente ao seu filho e ao jornal em que trabalha, devido a isso, acaba não tendo um tempo para si. Suas crônicas no Boston Times, geralmente são sobre pais e filhos e por ter que escrever três artigos por semana, ela vive sob constante pressão de ser uma jornalista que precisa gerar um conteúdo diferenciado todos os dias. Nas férias, enquanto seu filho estava em uma viagem de férias com o pai, Theresa é convencida por sua chefe e grande amiga a passar as férias em uma casa perto da praia, em Cape Cod, uma cidade litorânea localizada nos Estados Unidos.
Certa manhã, após sua corrida na praia, Theresa encontra na areia, próximo às rochas, uma garrafa arrolhada com uma folha de papel enrolada dentro. Ao abrir a garrafa, percebe que a folha de papel se tratava de uma carta e cede a tentação de ler. Theresa lê a carta e fica muito comovida com tantos sentimentos ali presentes. A carta está endereçada a Catherine. Sentindo-se profundamente tocada e emocionada pelas palavras apaixonadas do homem que assina como “Garrett”,  Theresa fica fascinada por esse homem e passa a buscar mais informações a respeito dele. A amiga de Theresa e editora-chefe do jornal, incentiva e a convence a
publicar a carta em sua coluna de jornal e, após relutar, acaba publicando. Quando volta de férias, encontra muitas cartas em resposta a sua coluna e depois disso, Theresa consegue encontrar outras cartas de Garrett.

Theresa então, resolve embarcar em uma jornada em busca de informações sobre o autor das cartas. Munida de conhecimentos e informações, decide sair de Boston a procura do homem misterioso e vai a Wilmington, na Carolina do Norte. Ela não sabe o que acontecerá quando encontrá-lo, ela só precisa conhecê-lo para enfim tentar entender os sentimentos que ele expressa de forma tão emocionante em sua carta.
Esse romance traz de fato, uma história belíssima que faz você se envolver do início ao fim. No livro, o autor nos traz questionamentos sobre o que realmente é o amor e nos mostra também, que as coisas nem sempre acontecem da forma que esperamos, imaginamos ou queremos. 


Deixe seu comentário aqui sobre o livro.




0 comentários :

Postar um comentário