10 de maio de 2015

#10 RESENHA DE LIVRO (Bom de Briga)

Oi galerinha, tudo bem?
Hoje estou trazendo para vocês a resenha do livro Bom de Briga segundo volume da série Irmãos Wolfe, a resenha do primeiro O Azarão está disponível no blog (clique aqui) e lá já tem minha opinião sobre a série e suas publicações, primeiro leia ela depois leia essa aqui. 

Bom de Briga

TÍTULO: Bom de Briga
AUTOR: Markus Zusak
EDITORA: Bertrand Brasil 
ANO: 2000 (primeira publicação na Austrália)

NOTA: 5/5

Sinopse: Na continuação do sucesso O azarão, Markus Zusak apresenta o emocionante Bom de briga. Se no primeiro título o autor traz um romance de formação de um jovem incorrigível, infeliz consigo mesmo e com sua vida, agora ele exibe dois irmãos em busca de um propósito na vida.
Bom de briga retrata a evolução dos irmãos Cameron e Ruben Wolfe como seres humanos. No primeiro livro, a dupla estava sempre atrás de algo errado para fazer. Dessa vez eles entram no mundo das lutas amadoras de boxe, buscando independência para suas vidas. Enquanto Ruben mostra um talento nato para a coisa, o outro tenta apenas sobreviver.
Tudo que é ruim é normal no dia a dia da família Wolfe: como os silêncios, as brigas, a pobreza, a mediocridade. Eles já se acostumaram com isso e sempre têm uma justificativa para tanto. Cameron, o mais novo, é o exemplo do jovem batalhador. Desde cedo apanha e se levanta, mostrando que o que importa não é a força da pancada, mas se você tem a força necessária para se reerguer.

Resenha: Em Bom de Briga Cameron está de volta mas agora que. Predomina no livro é Ruben, agora sua família está passando por momentos muitos difíceis, seu pai está desempregado, sua irmã está envolvida com álcool, seu irmão mais velho vai sair de casa, mas Cameron e Ruben estão pensando em muitos planos para poder ajudar a família.
Ei que uma oportunidade surge, um promotor de lutas clandestinas acredita que eles são capazes de lutar, mesmo eles tendo apenas experiências em lutas de quintais, pois eles querem carne nova no ringue, e eles aceitam a proposta e com isso vai acontecendo uma série de mudanças na sua família.
E como sempre Ruben é o melhor na luana devido seu porte físico, mas Cameron muda muito em relação ao primeiro livro onde só pensava coisas ruins sobre ele mesmo, aqui nesse livro cresce um espírito batalhador dentro dele que possibilita que ele seja um vencedor na vida, mantendo sua família unida. 
E como sempre volto a dizer que a Bertrand fez uma ótima publicação com um livro leve é fácil de ser lido, aqui neste volume o narrador é Ruben e no primeiro é Cameron, possibilitando a nós leitores ver o mundo dos Wolfe de um modo diferente,  e como sempre o tio Markus me surpreendeu, e em breve terá resenha de A garota que eu quero. 

Gostaram da resenha? Deixe seu comentário aqui *D.







0 comentários :

Postar um comentário